- Notícias

Sincadise consegue junto à CNC mil cestas básicas para a campanha Solidarize-SE

O Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor de Sergipe (Sincadise) pleiteou e conseguiu junto à Confederação Nacional do Comércio (CNC), mil cestas básicas, totalizando mais de 15 mil quilos de alimentos, para doação às famílias sergipanas que se encontram em situação de vulnerabilidade, em razão da pandemia da COVID-19. O presidente do Sincadise, Breno França disse que conversou com o presidente da CNC e explicou a dificuldade que as famílias sergipanas estão atravessando neste momento.

“Telefonei para o presidente da CNC, Dr. José Roberto Tadros, e relatei a difícil situação que várias famílias do nosso estado estão enfrentando por conta da COVID. Comentei também sobre a ação conjunta entre a inciativa pública e a inciativa privada através da Campanha Solidarize-SE, que conta com o apoio das empresas do atacado distribuidor, idealizada pela vice-governadora do estado, Eliane Aquino, que tem o objetivo de arrecadar cestas básicas, álcool em gel, máscaras e material de higiene pessoal para combater a fome e a miséria, levar mais segurança alimentar e bem-estar para a população sergipana”, afirmou Breno França.

O presidente da CNC ficou sensibilizado e de pronto atendeu ao pedido feito por Breno França, se comprometendo doar mil cestas básicas pela CNC em apoio à campanha Solidarize-se para Sincadise. A conversa entre o presidente do Sincadise, Breno França, e o Presidente da CNC, foi articulada pelo ex-presidente da Fecomércio de Sergipe e ex-diretor da CNC, Hugo França.

Breno França agradeceu o apoio recebido da CNC, durante a conversa com Tadros. Segundo ele, neste momento a atuação em conjunto das entidades do Sistema Comércio é importante para diminuir as questões de desigualdade social e ajudar as pessoas que mais sofrem.

“Essa demonstração de solidariedade da nossa entidade mãe, a CNC, ao povo sergipano chega em muito boa hora e irá somar às doações que estão sendo feitas pelas empresas atacadistas e distribuidoras associadas ao Sincadise. Nossa meta é arrecadar 20 toneladas de alimentos até o fim desse mês que serão distribuídos pela Secretaria de Inclusão Social do Estado, como uma ação da Campanha Solidarize-SE”.

Breno concluiu reiterando o convite para que todos os setores possam aderir à campanha Solidarize-se, e levar um pouco de alento para milhares de sergipanos que atravessam com muita dificuldade essa fase crítica da pandemia, que o país e o estado atravessam.

About Hugo Barbosa

Read All Posts By Hugo Barbosa